top of page

Entrevista de Bolsonaro teve avaliação negativa de 65%, aponta pesquisa

Na média, o candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) obteve 35% de menções positivas, contra 65% negativas durante os 40 minutos de sua entrevista à TV Globo na noite desta segunda (22). Os dados são da pesquisa do instituto mineiro Quaest feita em tempo real e revelam que cerca de 9 milhões de pessoas foram impactadas com postagens sobre a entrevista durante sua exibição.

Palavras mais comentadas nas redes sociais durante a entrevista de Bolsonaro, reprodução pesquisa Quaest


As palavras mais citadas pelas pessoas que comentaram a entrevista foram ‘mentiroso no JN’, ‘governo sem corrupção’, ‘Bonner e Renata’ e ‘Fake News’.


Três momentos melhores e piores


Três piores momentos na entrevista, reprodução pesquisa Quaest


Os três momentos em que o candidato recebeu mais críticas nas redes foram: (1) quando tratou de urnas e golpe, (2) pandemia e (3) corrupção.


Os três momentos em que Bolsonaro se saiu melhor foram: (1) no debate com Bonner sobre o ministro Alexandre de Moraes “canalha”. (2) Quando assumiu compromisso com o resultado da eleição, e (3) ao responder Bonner sobre sua aliança com o centrão. Por meio do sistema de monitoramento de redes, o instituto mineiro de pesquisa Quaest acompanhou em tempo real a entrevista de Bolsonaro ao JN.






コメント


para junho 24.png
MAIS LIDOS
IPTU NOVA LIMA JUNHO 24.png
NOVO BANNER FEV 23A.jpg
banner affemg e sindifisco contra rrf.png
RECENTES
ARQUIVO
bottom of page