Candidato ‘salto alto’ e o ‘cabeça baixa’ são de alto risco na eleição

Ninguém ganha ou perde eleição de véspera, antes da hora. Que o cenário está inercial, não se mexe, é verdade, mas a campanha existe é para isso mesmo, no caso de apenas 38 dias. A partir desta sexta (9), ela entra pela TV e rádio por meio da propaganda eleitoral gratuita.

A jornalista Inácia Soares, da TV Band, e o colunista político Orion Teixeira, reprodução YouTube


Através desses canais, os candidatos ficarão mais conhecidos e tentarão convencer o eleitor que suas propostas seriam as melhores. Cabe ao eleitor refletir sobre tudo isso.


A campanha de TV e rádio começa nesta sexta (9). É claro que um e outro levam mais vantagens por serem mais conhecidos, ter maior tempo na televisão e maior apoio partidário. Mas existem dois perfis graves e de grande risco em uma campanha: candidato de ‘salto alto’, o ‘já-ganhou’, e candidato de cabeça baixa, ‘já-perdeu’.


ASSISTAM AO COMENTÁRIO AQUI do jornalista Orion Teixeira, do ALÉM DO FATO, para a TV Band Minas



video sonegação2.png
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo