Para ser candidato, Pacheco troca MDB pelo DEM

O deputado federal, Rodrigo Pacheco (MDB), está com tudo pronto para trocar o PMDB, que agora é MDB, pelo DEM, depois do Carnaval, e postar-se como pré-candidato a governador.

Sua decisão tem motivação na tendência de o MDB continuar na aliança com o PT e apostar na reeleição do governador Fernando Pimentel. O prazo final de mudança partidária é o dia 6 de abril deste ano, ou seis meses antes da eleição do dia 7 de outubro.

Numa primeira leitura, Pacheco antecipa, queima uma etapa importante no processo eleitoral, já que ele teria até 6 de abril. Para não sair errado, tem que estar muito bem calculado. Numa segunda leitura, está reafirmando que o PMDB, o MDB, não terá candidato próprio e que o partido irá reeditar a aliança com o PT e apoiar a recandidatura do governador Pimentel.

FOTO REPRODUÇÃO SITE PMDB:

video sonegação2.png
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo