Aliado vê como desastrosa entrevista de Bicalho

A apresentação do relatório de gestão fiscal do Estado, no segundo quadrimestre deste ano, feita pelo secretário da Fazenda, José Afonso Bicalho, no último dia 2, durante entrevista, foi considerada “um desastre” por aliados. Técnico, Bicalho expôs friamente o desempenho da arrecadação, minimizando as melhorias.

A um ano das eleições do ano que vem, quando o governador deverá disputar a reeleição, o secretário disse que não há previsão para o pagamento do 13º salário deste ano nem sobre o fim da escala de pagamento dos servidores. Neste mês, os salários serão pagos novamente em três parcelas, nos dias 11, 25 e 30. O parcelamento afeta cerca de 170 mil servidores, que ganham mais de R$ 3 mil, há quase dois anos.

FOTO Gil Leonardi/Imprensa MG

pecas_ead_blog_do_orion ouyt 21.png
MAIS LIDOS
RECENTES
banner amm 15 de junho 2020.png
ARQUIVO