Aécio já responde a nove inquéritos

A pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, autorizou abertura de novo inquérito contra o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG). É o segundo dentro do caso da delação da JBS, instaurado para saber sobre a origem de R$ 2 milhões, dos quais Aécio foi gravado pedindo para o Joesley Batista, um dos donos da empresa. O procurador desconfia que seja dinheiro de propina, para atender aos interesses do empresário no setor público.

Com esse, é a nona investigação contra o tucano no STF. Cinco delas são da delação da Odebrecht; mais duas foram provocadas pela do ex -senador Delcídio do Amaral, com suspeita de corrupção passiva e obstrução de Justiça. Aécio contesta todas as denúncias. foto Pragmatismo Político

blog_orion.jpg
MAIS LIDOS
RECENTES