Servidor fica sem receber, mas tem que pagar contas de água e luz ao próprio governo

Se o governador Romeu Zema (Novo) alega dificuldades para programar o pagamento da maioria dos servidores, imagina a de quem não recebe o salário. Igualmente, não tem como programar a quitação de despesas como água e luz, de empresas do governo, além de comida, aluguel e remédio. Ou seja, sem salário, também não dá para combater o avanço da pandemia do coronavírus.

E mais, um dos efeitos sociais mais nocivos da quarentena da pandemia é o agravamento da violência doméstica. E a renúncia de prefeitos em tempos de pandemia, confirma omissão e descompromisso quando a população mais precisa deles.

Confira AQUI meu comentário na TV Band Minas

Inácia Soares e Orion Teixeira no jornal da Band Minas desta quarta (8)

video sonegação2.png
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo