Servidores mais bem pagos do estado farão greve

No momento em que os cerca de 600 mil servidores do Poder Executivo amargam parcelamento de salários e do décimo terceiro, o sindicato dos servidores da 2ª instância do Poder Judiciário aprovou, nesta quarta-feira (13), greve geral por tempo indeterminado a partir da próxima terça (19). São os servidores mais bem pagos do estado e não sofrem com parcelamento e atrasos que afetam seus colegas do executivo. Ainda assim, decidiram pela paralisação.

Segundo o sindicato (Sinjus), o Tribunal de Justiça não teria atendido às reivindicações da categoria referentes a reajuste salarial e pagamento de auxílios saúde e transporte. E ainda reclamam falta de isonomia perante o conjunto de magistrados. O presidente do TJMG, desembargador Nelson Missias de Morais, contestou as alegações, garantindo que eles são atendidos na mesma proporção dos magistrados e que assumiu o compromisso de atendê-los quando houver disponibilidade financeira.

V%C3%8DDEO%203%20CAMPANHA%20CONTRA%20RRF
CDL DIA SEM IMPOSTOS MAIO 21.jpg
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO