Servidores da Lei 100 têm licença prorrogada

03.01.2018

Foi publicada no Diário Oficial do Estado, desta terça-feira (2), a Lei Complementar 153, de 2017, sobre a licença para tratamento de saúde dos servidores da Lei 100, extinta pelo Supremo Tribunal Federal. A nova lei prorroga o prazo da licença médica dos servidores que já estavam afastados de suas funções quando foram desligados do Estado, em 31 de dezembro de 2015, já que a lei 100 foi declarada inconstitucional. Os servidores entraram sem concurso no Estado, por meio dessa norma (lei 100), razão pela qual ela foi extinta. A prorrogação da licença médica vai até 31 de dezembro de 2019.

 

De acordo com a lei complementar, o afastamento para tratamento de saúde será convertido em aposentadoria por invalidez se, antes de 31 de dezembro de 2019, a junta médica competente considerar o beneficiário definitivamente inapto para o serviço público em geral.

FOTO ALMG:  Plenário da Assembleia aprova projeto

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

MAIS LIDOS

Anastasia descarta assumir vaga em Ministério

15.03.2017

1/4
Please reload

RECENTES
Please reload

ARQUIVO
Please reload

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo