Prefeitos pedem socorro a deputados federais

Durante encontro com a bancada federal mineira, mais de 300 prefeitos mineiros gritaram por socorro para sair do vermelho e garantir o pagamento do 13º salário aos servidores no próximo mês. Hoje, 70% dos 853 municípios não têm como bancar a gratificação natalina, segundo a Associação Mineira de Municípios (AMM), que promoveu o encontro com deputados federais em Belo Horizonte, nesta segunda (6). Contra o aperto, reivindicam a edição de medida provisória, pelo governo federal, com apoio financeiro aos municípios no valor de R$ 4 bilhões. De acordo com o presidente da AMM e prefeito de Moema (Oeste), Julvan Lacerda, o evento foi tentativa de pressionar a bancada e viabilizar interlocução com a União para agilizar a municipalista no Congresso Nacional. Os deputados federais se comprometeram a apoiar o movimento.

“Temos dois opressores: o estado e o governo federal. Nossas receitas não cresceram e repasses estão atrasados”, afirmou Julvan Lacerda, que, pela manhã, reuniu-se com o governador Fernando Pimentel, para discutir o problema. Após o encontro, o governo mineiro anunciou o repasse, para esta terça (7), de R$ 378 milhões, referentes ao atraso do repasse do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) e uma parcela do transporte escolar. De acordo com Julvan Lacerda, ainda há pendência com o estado sobre os repasses na Saúde, no valor de R$ 2,5 bilhões.

FOTO SITE AMM: Encontro de prefeitos com deputados federais

video sonegação2.png
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo