PMDB mineiro recebe prorrogação de mandato

O PMDB nacional enviou, nesta terça-feira (18), ao diretório estadual documento prorrogando, como adiantamos aqui, o mandato do atual presidente estadual, Antônio Andrade, que também é vice-governador do estado. A decisão veio de Brasília e contraria pretensões da bancada estadual do partido e até do presidente da Assembleia Legislativa, Adalclever Lopes, hoje a principal liderança do PMDB mineiro.

Esse grupo pretende renovar a aliança com o PT do governador Fernando Pimentel e apoiar eventual reeleição dele no ano que vem. Andrade pensa diferente e já disse que a aliança acaba no final do ano que vem. E mais, que o partido deverá ter candidatura própria em 2018. Ter candidatura própria significa também possível reaproximação com os tucanos, como já acontece no plano nacional. Essa disputa estadual terá que ser resolvida internamente; quem tiver mais força interna vai decidir que rumo tomar.

Se o PMDB aprovar a candidatura própria, já tem nome também. O mais competitivo hoje seria o do deputado federal Rodrigo Pacheco, que disputou a Prefeitura de Belo Horizonte no ano passado e perdeu a eleição, sequer chegou ao segundo turno. Advogado bem-sucedido, Pacheco é estreante na política e tomou gosto pela coisa. Virou presidente da Comissão de Constituição e Justiça, que julgou, na semana passada, a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) e ganhou projeção nacional. Seu nome tem sido muito ventilado, mas se não tiver o apoio interno, não será candidato, a não ser que mude de partido.

FOTO Antônio Andrade (Poder em foco)

video sonegação2.png
MAIS LIDOS
RECENTES
ARQUIVO
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2017 por Infograffo